18 fevereiro 2011

Um Brinde - Novo Clipe de Inquerito



Com uma excelente produção, efeitos especiais e uma letra arrebatadora, Inquérito marca mais uma vez o Rap Nacional com excelencia e essência.

O Clipe e a letra apresenta em suas imagens e versos que o 'álcool reune os amigos nos bares e separa as famílias nos lares'; Pra fazermos uma analogia simples, pensemos em nossos filhos que quando doentes não tem acesso a um posto de Saúde 24horas, mas já a Distribuidora de bebidas está aberta e sempre em promoção.

Isto é o sistema pensando em você! O Capitalismo não dorme...

É um momento adequado para o Hip Hop e o Rap rever seus paradigmas, pois somos coniventes com a destruição de famílias, somos estagnados no enfrentamento junto ao Estado, pois no DF não há uma Clinica Pública de tratamento para crianças e adolescentes em drogadição.

Ao inves de lutarmos, nos colocamos num estágio de comemoração com derramamento de vinhos, champagne, importando um padrão estadunidense, mas será que temos mesmo que comemorar? Podemos mesmo ostentar? A resposta pra muitos e muitas é sim, pois o individualismo é intenso e se apossou do ser humano.

O álcool é mais que um simples bar na quebradas, mais que algo que abre horizontes nas baladas, é destruidor e trágico.

Consequências Físicas do Uso em Excesso

-alterações no sangue (hemorragias, hepatite e outras);
-ossos e articulações (ácido úrico elevado, degeneração dos ossos e outros);
-lesão cerebral (síndrome de Wernicke-Korsakoff, degeneração cerebelar, ambliopia);
-câncer (na boca, esôfago, estômago, fígado e outros);
-pulmão (pneumonia, tuberculose e outros problemas);
-epilepsia;
-síndrome fetal;
-coração (arritmias, cardiopatia, hipertensão e doença coronariana);
-hipoglicemia;
-fígado (cirrose hepática e outras doenças);
-miopatia;
-pancreatite;
-neuropatia (ou neurite) periférica);
-sexo (disfunção testicular e impotência); e
-esôfago e estômago (efeitos corrosivos diretos do álcool sobre estes órgãos como: -gastrite, úlcera péptica, esofagite).

Assista ao Clipe



"Num país que desce redondo
Segue arruinando sonhos

Quantas, quantos?
Que nesta noite adentraram seus lares e ao invés de trazer alegria, fartura, bênçãos
Trarão somente a tristeza, pranto, sofrimento

Quantas, quantos?
Nesta noite serão encontrados aos pedaços dentro carros devido o acidente provocado pela embriaguez
Quantos nesta noite provarão o álcool pela primeira vez?

Quantos, quantas?
Eu? Eu não! Eu não serei mais conivente com isto, nunca mais."

Aborígine

Um comentário:

Glauber disse...

É isso memo, otima letra, e o clip tambem muito bem gravado, boas imagens, Inquerito ta foda!!! Sucesso ao grupo que ta arrebentando. Vlw Markao pela postagem, e texto! Como sempre de parabens!!!